Monthly Archives: Junho 2016

Dica de autores – Cristovão Tezza

tezza

Tido como um dos mais importantes autores da literatura brasileira contemporânea, Cristovão Tezza nasceu em 21 de agosto de 1952, em Lages (SC). Em 1961, a família mudou-se para Curitiba. No ano de 1968, Cristovão passou a fazer parte do Centro Capela de Artes Populares (CECAP). Dois anos depois concluiu o Ensino Médio, e em 1971 entrou na Escola de Formação de Oficiais da Marinha Mercante, mas desligou-se meses depois. No ano de 1974, Cristovão foi para Coimbra, em Portugal, para estudar Letras. Casou-se em 1977, e mudou-se para Florianópolis. Trabalhou como professor de Língua Portuguesa na UFSC. Voltou para Curitiba em 1986, e deu aulas na UFPR até 2009.

Seus primeiros livros “A cidade inventada”, “Gran Circo das Américas”, e “O terrorista lírico” foram publicados entre 1979 e 1981. Contudo, seu nome somente começou a se tornar conhecido nacionalmente em 1988, com a publicação de “Trapo”. Cristovão escreveu, juntamente com o linguista Carlos Alberto Faraco, dois livros didáticos. Escreveu também resenhas e textos críticos em jornais e revistas.

“O filho eterno” foi publicado pela primeira vez em 2007. O livro rendeu ao escritor alguns prêmios, foi considerado pelo jornal O Globo uma das dez melhores obras de ficção da década no Brasil, e foi traduzido para vários idiomas. Recebeu adaptação para o teatro, e está sendo adaptado para o cinema.

A Biblioteca católica SC possui, em seu acervo, alguns livros de Cristovão Tezza. Boa leitura!

livros tezza

Anúncios
Categories: Recomendação | Deixe um comentário

Pequenas Porções de Leitura

Pequenas Porções de Leitura 2016 22

Categories: Porções de leitura | Deixe um comentário

Dica de leitura – Precisamos falar sobre o Kevin

00004F0A

Eva e Franklin estavam juntos há algum tempo. Os dois estavam pensando em ter um filho. Eva acabou engravidando, mas depois se arrependeu. Franklin ficou feliz com a notícia da gravidez. No dia do nascimento de Kevin, ela não sentiu nada especial. O bebê rejeitou a amamentação, e em casa era uma criança muito difícil. Chorava o tempo inteiro, mas quando o pai chegava, estava calmo. Franklin achou que era exagero o cansaço de Eva, até que ela desmaiou. Tentaram algumas babás, mas todas acabavam se demitindo. A mãe sabia que havia algo de estranho com o menino, mas o pai não via, ou não queria ver.

Então, em uma manhã parecida com todas as outras, Eva saiu para o trabalho como sempre, um pouco antes de seu marido e seus filhos. Não imaginava que aquele dia ficaria marcado para sempre: próximo de completar 16 anos, na escola, Kevin assassinou sete colegas de classe, uma professora e um funcionário da cantina. Mas não foram só eles.

“Precisamos falar sobre o Kevin” é o conjunto de cartas, de Eva para Franklin. Começaram um ano depois da quinta-feira, do dia que ninguém gostaria que tivesse acontecido. Ela conta sua vida atual – seus sentimentos, seu emprego, sua casa, suas visitas ao Kevin –;  relembra fatos, situações e conversas marcantes; e busca entender porquê seu filho fez aquilo, e o que pode ter dado errado.

O livro fala sobre relações familiares, discute o tabu da responsabilidade maternal na educação de “monstros”. Rendeu à escritora o Orange Prize de 2005 e tornou-se um best-seller. Em 2011 foi lançada no cinema a adaptação da obra.

“Precisamos falar sobre o Kevin” faz parte do acervo da Biblioteca Joinville. Boa leitura!

Categories: Literatura, Livros/Filmes, Recomendação | Deixe um comentário

Pequenas Porções de Leitura

Pequenas Porções de Leitura 2016 21

Categories: Porções de leitura | Deixe um comentário

Dica de leitura – Treze à mesa

00004428

O detetive Hercule Poirot estava jantando com seu amigo, o capitão Hastings, e numa mesa próxima, estava Jane Wilkinson. A atriz o reconheceu e pediu para falar com ele. Ela queria “livrar-se do marido”. Poirot promete ajudar a convencer Lord Edgware a dar o divórcio.

Poirot marcou uma hora com o Lord, e surpreendeu-se ao descobrir que ele também queria o divórcio, e havia enviado uma carta para Jane dizendo isso. No dia seguinte, o inspetor Japp trouxe a Poirot e Hastings a notícia de que Lord Edgware havia sido morto em sua casa, na noite anterior.

O mordomo e a secretária disseram que Jane foi a única a entrar na casa à noite. Contudo, conhecidos e outras pessoas afirmaram que ela estava em um jantar. Além disso, outra atriz apareceu morta, pela overdose de veronal. Em sua bolsa, havia alguns vestígios de que ela poderia ter assassinado o Lord. Teria sido realmente ela? Ou foi Jane que matou o marido? Será que Poirot desvendou o mistério? Leia para descobrir!

O livro foi publicado pela primeira vez em 1933, e é considerado um dos casos mais complexos já investigados por Poirot. “Treze à mesa” faz parte do acervo da Biblioteca Joinville. Boa leitura!

Categories: Literatura, Recomendação | Deixe um comentário

Pequenas Porções de Leitura

Pequenas Porções de Leitura 2016 20

Categories: Porções de leitura | Deixe um comentário

Dia Dos Namorados

O Dia dos Namorados, em alguns países chamado Dia de São Valentim, é uma data especial na qual se celebra a união amorosa entre casais e namorados. Em Portugal e na Angola, assim como em muitos outros países, comemora-se no dia 14 de fevereiro. No Brasil a data é festejada no dia 12 de junho.

Em comemoração deste dia, segue nossas recomendações:

final de verãoFinal de verão ( Danielle Steel)

“Era para durar apenas três meses… mas quem pode determinar a força e a intensidade de uma paixão? Ao decidir ficar em São Francisco durante uma viagem do marido e da filha, Deanne esperava finalmente ter um pouco de liberdade para se dedicar a sua grande paixão: a pintura. E eis que ela conhece Ben Thompson, um encantador marchand que muda suas perspectivas em relação à arte e ao amor. Ao curso de um verão, eles vivem um tórrido romance, limitado por um pacto: ao fim da estação, não devem mais se encontrar. Porém, a morte da filha em um trágico acidente, a descoberta da infidelidade do marido e as perspectivas de uma nova carreira nas artes conspiram para que sua promessa de não mais ver Ben seja rompida.”

                                         

os amantes                                                         Os Amantes (Morris West)

“Uma carta vinda da Itália, leva o advogado Bryan de Courcy Cavanagh a deixar seu escritório em Paris e dar um mergulho no passado, em plena década de cinqüenta, quando pisou pela primeira vez o solo europeu. Ao voltar ao ponto onde começou a traçar seu destino, ele revive não só as lições duramente aprendidas ao longo do caminho, como também as emoções de um amor inesquecível, vivido na tempestuosa atmosfera daqueles anos pós-guerra.”

 

porto seguri                                                     Um porto seguro (Nicholas Sparks)

“Quando uma mulher misteriosa chamada Katie aparece repentinamente na pequena cidade de Southport, na Carolina do Norte, questionamentos são levantados sobre seu passado. Linda, mas discreta, Katie parece evitar laços pessoais formais até uma série de eventos levá-la a duas amizades relutantes: uma com Alex, o viúvo, com um coração maravilhoso e dois filhos pequenos, a outra com sua vizinha muito franca, Jo. Apesar de ser reservada, Katie começa a baixar a guarda lentamente, criando raízes nessa comunidade solícita e tornando-se próxima demais de Alex e de sua família. No entanto, quando Katie começa a se apaixonar, ela se depara com o segredo obscuro que ainda a assombra e a amedronta: o passado que a deixou apavorada e a fez cruzar o país para chegar no paraíso de Southport. Com o apoio simpático e insistente de Jo, Katie percebe que deve escolher entre uma vida de segurança temporária e outra com recompensas mais arriscadas… e que, no momento mais sombrio, o amor é seu único refúgio.”

 

dom casmurro                                                  Dom Casmurro (Machado de Assis)

“Capitu, Bentinho e Escobar formam o triângulo amo­roso mais conhecido da literatura nacional – com a condição de que acreditemos no narrador de um dos mais polêmicos romances brasileiros. Quem conta a his­tória de Dom Cas­murro é o próprio Bento Santiago, agora um senhor maduro que relembra a infância passada no bairro carioca de Mata­cavalos, quando conheceu o amor de sua vida: Capitu. Com a ironia que lhe é característica, Machado revolucionou o romance de amor, deixando para os leitores um dos grandes enigmas da nossa cultura: afinal, Capitu traiu ou não traiu?”

 

ps eu teamo                                                         P.S Eu te amo (Cecilia Ahern)

“Algumas pessoas esperam a vida inteira para encontrar sua alma gêmea. Mas esse não é o caso de Holly e Gerry. Eles eram amigos de infância, portanto conseguiam saber o que o outro estava pensando e, até quando brigavam, eles se divertiam. Ninguém conseguia imaginá-los separados. Até que o inesperado acontece e Gerry morre, deixando-a devastada.Conforme seu aniversário de 30 anos se aproxima, Holly descobre um pacote de cartas na qual Gerry, gentilmente, escreveu uma carta para cada mês da nova vida dela sem ele. Com ajuda de seus amigos e de sua família barulhenta e carinhosa, Holly consegue rir, chorar, cantar, dançar e ser mais corajosa do que nunca.”

 

Categories: Sem categoria | Deixe um comentário

Pequenas Porções de Leitura

Pequenas Porções de Leitura 2016 19

Categories: Porções de leitura | Deixe um comentário

Dica de Leitura – Quebra de confiança

000035C7

Myron Bolitar é um ex-jogador de basquete que trabalha como empresário de atletas. Está prestes a fechar o contrato de uma promessa do futebol americano, Christian Steele, com um grande time.

Kathy era noiva de Christian quando desapareceu, e nada havia sido descoberto sobre seu sumiço, e se ela estaria viva ou não. Porém, o jogador recebeu um exemplar de uma revista que tinha um anúncio de disque-sexo com a foto dela. E alguns dias antes, Adam, o pai de Kathy, havia sido assassinado num assalto.

Myron precisa impedir que as notícias sobre a moça se espalhem e atrapalhem a negociação de contratação de Christian. Junto com Win – seu melhor amigo – e Jéssica -sua ex-namorada, e irmã de Kathy – e com ajuda de várias pessoas, ele tenta desvendar o mistério do sumiço de Kathy, e da morte de Adam.

Quer saber se conseguiram descobrir toda a verdade? Leia “Quebra de confiança”! O livro faz parte do acervo da Biblioteca Católica SC. Boa leitura!

Categories: Literatura, Recomendação | Deixe um comentário

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: